Dot.lib

Fonte: iStock Fonte: iStock
5 finalidades de um artigo científico
  • Artigo
  • COVID-19
  • 18/11/2020
  • artigo científico, novos conhecimentos, publicação científica

A pandemia de COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, evidenciou ainda mais a importância dos pesquisadores e das publicações científicas. Através dos artigos científicos, novas pesquisas e descobertas têm esclarecido hipóteses e auxiliado no combate ao SARS-COV-2.

De acordo com o levantamento da plataforma Dimensions, em todo o mundo, foram realizadas 168.546 publicações científicas sobre a COVID-19 neste ano de 2020. Desse total, 4.029 publicações são do Brasil, o que representa 2,39% de toda a produção mundial, colocando o país na décima primeira posição em número de publicações sobre a doença, à frente de países como Holanda, Suíça e Japão.

Assim como na medicina e em outras diversas áreas, as produções científicas se tornaram fontes de conhecimentos essenciais. Mas, qual é a finalidade de um artigo científico? Quais são os motivos de um pesquisador ao desenvolver e publicar um trabalho neste gênero? Neste artigo, você vai conferir 5 objetivos de uma publicação científica.  

1- Registrar e comprovar uma hipótese de pesquisa

O artigo científico é o registro com autoria declarada que reflete uma avaliação de um dado tema ou ideia, sendo essencial para auxiliar os profissionais de diversas áreas a adquirirem novos conhecimentos sobre determinado assunto. Logo, tem como uma das finalidades ser um veículo de comunicação para apresentar e compartilhar a análise dos resultados observados pelo cientista, a comunidade científica e a sociedade. 

No entanto, esse tipo de conteúdo desenvolvido precisa seguir uma estrutura e normas como: ser original, com informações sólidas, linguagem clara e objetiva. Vale lembrar que a publicação em uma revista científica precisa se adequar às normas exigidas pelo periódico. 

2 - Universalizar o conhecimento e aprimorar a prática 

O conhecimento permite ao indivíduo aprimorar as habilidades em sua área de atuação. Por isso, a publicação de um material científico em revistas especializadas e até mesmo em sites de preprints contribui para que seja mais acessível para todas as pessoas, não apenas entre os pesquisadores. 

A medida que o conhecimento é disseminado além do ambiente acadêmico é gerado também transformações significativas no cotidiano de uma sociedade e, consequentemente, possibilita a evolução cada vez maior de uma nação. Dessa forma, ao mesmo tempo, ocorre a democratização do conhecimento e o pesquisador também conquista mais notoriedade na sua área de atuação. 

3 - Validar um conhecimento

Estudiosos e leitores de revistas especializadas têm no material científico a possibilidade de validar um conhecimento. Se um leitor tem uma hipótese, a partir da leitura de um artigo o questionamento dele pode ser confirmada. Logo, uma descoberta, ao ser publicada em uma revista científica, confere a todos a oportunidade de também se beneficiarem desse conhecimento.

4 - Servir como medidor de produtividade

As publicações científicas são utilizadas como métricas de produtividade (qualitativa e quantitativa) de forma individual, por autores, assim como pelas instituições nas quais são filiadas. Segundo o levantamento da Dimensions, a Universidade de São Paulo (USP) aparece no relatório com uma contribuição significativa, com 729 publicações, representando 18,5% de toda produção nacional.  Além disso, é a instituição de pesquisa do Brasil com o maior número de publicações e 16ª em todo o mundo.

5 - Ser um dos parâmetros de desempenho da produção científica de um país

Serve também como métrica para avaliar o desempenho das pesquisas científicas de um país. Nesse caso, organizações específicas realizam relatórios a partir desses conteúdos produzidos de forma a analisar o processo de investimento e progresso do país. Por exemplo, a Organização dos Estados Ibero-americanos para Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) realiza o monitoramento das pesquisas científicas relacionadas à COVID-19 publicadas pelos países da América Latina. 


Agora, aproveite para iniciar a sua trajetória neste universo científico e faça desse tipo de conteúdo um hábito.

Leia também: Por que ler artigos científicos?

Dot.Lib
Dot.Lib

A Dot.Lib distribui conteúdo online científico e acadêmico a centenas de instituições espalhadas pela América Latina. Temos como parceiras algumas das principais editoras científicas nacionais e internacionais. Além de prover conteúdo, criamos soluções que atendem às necessidades de nossos clientes e editoras.

Quer conhecer o nosso conteúdo?

Podemos lhe oferecer trials (períodos de acesso de teste gratuitos) dos conteúdos de nossas editoras parceiras. Se você tem interesse em conhecer alguma de nossas publicações ou soluções de pesquisa, preencha o formulário ao lado.

Informe os dados abaixo.
Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza a Dot.Lib a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.