Dot.lib

Mecanismo hormonal afeta uma série de comportamentos na idade adulta, incluindo acasalamento, paternidade e agressão (imagem: iStock). Mecanismo hormonal afeta uma série de comportamentos na idade adulta, incluindo acasalamento, paternidade e agressão (imagem: iStock).
CSHL: cientistas descobrem como os hormônios definem as diferenças sexuais no cérebro
  • Notícia
  • Ciências da Saúde
  • 05/05/2022
  • DotLib, Cold Spring Harbor Laboratory, Genética, Cérebro, Hormônios

Ao mapearem o local exato onde os receptores de estrogênio se prendem ao DNA dentro de células cerebrais, os cientistas do Cold Spring Harbor Laboratory (CSHL) descobriram o processo hormonal responsável por definir as diferenças sexuais no cérebro. Para isso, a equipe analisou camundongos machos e fêmeas e compararam os cérebros de adultos com os cérebros ainda em desenvolvimento de filhotes, concentrando-se em uma região chamada BNST; esta parte é maior nos machos do que nas fêmeas, tanto nesses animais quanto em humanos.

A professora assistente do laboratório, Jessica Tollkuhn, explicou que o estrogênio está presente nos cérebros de homens e mulheres e alguns neurônios o produzem a partir da testosterona. Nos machos, o estrogênio produzido por meio de uma onda de testosterona liberada logo após o nascimento molda os circuitos em desenvolvimento. Como resultado, certas regiões do cérebro são maiores e contêm mais células nos machos do que nas fêmeas, afetando uma série de comportamentos na idade adulta, incluindo acasalamento, paternidade e agressão.

Os pesquisadores encontraram uma série de genes que estavam sob o controle do estrogênio, muitos deles envolvidos no neurodesenvolvimento e na sinalização neuronal. “Há esse período crítico em que o cérebro está se desenvolvendo e se conectando em que ele precisa obter essa entrada para fazer essas mudanças permanentes na fiação cerebral. Este é um surto transitório, mas parece ter efeitos extremamente duradouros no desenvolvimento do cérebro”, explica Tollkuhn. A partir dessa descoberta, a equipe pretende explorar como esses genes mediam os diversos efeitos do hormônio no desenvolvimento, comportamento e doenças cerebrais.

Link para o artigo completo, clique aqui.

Dot.Lib
Dot.Lib

A Dot.Lib distribui conteúdo online científico e acadêmico a centenas de instituições espalhadas pela América Latina. Temos como parceiras algumas das principais editoras científicas nacionais e internacionais. Além de prover conteúdo, criamos soluções que atendem às necessidades de nossos clientes e editoras.

Quer conhecer o nosso conteúdo?

Podemos lhe oferecer trials (períodos de acesso de teste gratuitos) dos conteúdos de nossas editoras parceiras. Se você tem interesse em conhecer alguma de nossas publicações ou soluções de pesquisa, preencha o formulário ao lado.

Informe os dados abaixo.
Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza a Dot.Lib a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.