Dot.lib

Fonte: iStock Fonte: iStock
Estudo no JAMA relaciona risco de deficiência persistente em pacientes com esclerose múltipla pediátrica
  • Notícia
  • Ciências da Saúde
  • 04/05/2021
  • Neurologia, Pediatria, JAMA

Um estudo publicado no JAMA Neurology analisou a probabilidade de mudanças nos padrões de tratamento de esclerose múltipla diminuirem o risco de desenvolvimento de deficiências crônicas.

Ao analisar cerca de 3.000 pacientes com a EM de início pediátrico, os resultados indicaram que a redução do risco de atingir uma deficiência persistente foi de 50% a 70%. Essa queda esteve atrelada a um maior e mais longo uso de medicamentos modificadores da doença, como as drogas de alta potência.

As conclusões obtidas com o estudo mostraram que a melhora nos padrões terapêuticos e de manejo da doença realizados nas últimas décadas foram decisivos para a redução de 50% a 70%. Se as mudanças permanecerem constantes, assim como melhorias na segurança dos medicamentos, serão observados também melhorias adicionais do prognóstico na população pediátrica.

Link da notícia completa, clique aqui.

Dot.Lib
Dot.Lib

A Dot.Lib distribui conteúdo online científico e acadêmico a centenas de instituições espalhadas pela América Latina. Temos como parceiras algumas das principais editoras científicas nacionais e internacionais. Além de prover conteúdo, criamos soluções que atendem às necessidades de nossos clientes e editoras.

Quer conhecer o nosso conteúdo?

Podemos lhe oferecer trials (períodos de acesso de teste gratuitos) dos conteúdos de nossas editoras parceiras. Se você tem interesse em conhecer alguma de nossas publicações ou soluções de pesquisa, preencha o formulário ao lado.

Informe os dados abaixo.
Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza a Dot.Lib a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.