Dot.lib

Fonte: iStock Fonte: iStock
Estudo da BMJ aponta que dieta à base de plantas pode amenizar severidade da COVID-19
  • Notícia
  • Saúde Pública
  • 18/06/2021
  • Covid-19, BMJ

Um estudo publicado no BMJ Nutrition, Prevention & Health avaliou a associação entre dietas à base de plantas e pescetarianas, e a gravidade de sintomas causados pela COVID-19. Realizada em seis países (França, Alemanha, Itália, Espanha, Reino Unido e EUA), a pesquisa reuniu informações sobre características demográficas, informações dietéticas e resultados do COVID-19.

Os participantes que relataram seguir 'dietas baseadas em vegetais' e 'dietas baseadas em vegetais ou dietas pescatarianas' tiveram 73% e 59% menor probabilidade de gravidade de COVID-19 moderada a grave, respectivamente, em comparação com participantes que não seguiram essas dietas.

Com isso, o resultado indicou que pessoas que possuem dietas com baixo teor de carboidratos e alta proteína tiveram chances maiores de ter a COVID-19 de forma moderada ou grave. Isso indica que os padrões dietéticos ‘à base de plantas’ podem ser considerados como um fator para proteção contra a COVID-19 grave.


Link da notícia completa, clique aqui.

Dot.Lib
Dot.Lib

A Dot.Lib distribui conteúdo online científico e acadêmico a centenas de instituições espalhadas pela América Latina. Temos como parceiras algumas das principais editoras científicas nacionais e internacionais. Além de prover conteúdo, criamos soluções que atendem às necessidades de nossos clientes e editoras.

Quer conhecer o nosso conteúdo?

Podemos lhe oferecer trials (períodos de acesso de teste gratuitos) dos conteúdos de nossas editoras parceiras. Se você tem interesse em conhecer alguma de nossas publicações ou soluções de pesquisa, preencha o formulário ao lado.

Informe os dados abaixo.
Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza a Dot.Lib a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.