Dot.lib

Fonte: Reprodução Internet Fonte: Reprodução Internet
Estudo aponta que o consumo de proteína vegetal aumenta a longevidade
  • Notícia
  • Ciências da Saúde
  • 17/09/2020
  • longevidade, BMJ, proteína vegetal

Uma revisão sistemática e de meta-análise, publicada no periódico BMJ, indicou que a ingestão de proteína vegetal  — como leguminosas, grãos integrais e nozes  — foi associada a um menor risco de mortalidade por todas as causas e doenças cardiovasculares. Além disso, pode estar associada à longevidade.

Ainda de acordo com a publicação, a ingestão de proteína vegetal foi associada a um risco 8% menor de mortalidade por todas as causas e a um risco 12% menor de mortalidade por doenças cardiovasculares.

Os pesquisadores chegaram a essa conclusão após a análise de 32 estudos publicados de coorte prospectivos e 31 na meta-análise, totalizando 715.128 participantes. Durante os períodos de acompanhamento, que variaram de 3,5 a 32 anos, 113.039 pessoas morreram, incluindo 16.429 mortes por doenças cardiovasculares e 22.303 mortes por câncer.

Link da notícia completa, clique aqui.

Dot.Lib
Dot.Lib

A Dot.Lib distribui conteúdo online científico e acadêmico a centenas de instituições espalhadas pela América Latina. Temos como parceiras algumas das principais editoras científicas nacionais e internacionais. Além de prover conteúdo, criamos soluções que atendem às necessidades de nossos clientes e editoras.

Quer conhecer o nosso conteúdo?

Podemos lhe oferecer trials (períodos de acesso de teste gratuitos) dos conteúdos de nossas editoras parceiras. Se você tem interesse em conhecer alguma de nossas publicações ou soluções de pesquisa, preencha o formulário ao lado.

Informe os dados abaixo.
Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nossa plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza a Dot.Lib a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.